WhatsApp
Facebook

A população em situação de rua em Curitiba enfrenta os dias de calor com a distribuição gratuita de água em pontos estratégicos da região central da cidade. Nas Praças Rui Barbosa, Osório, Tiradentes e no Mercado Municipal, a Fundação de Ação Social (FAS) disponibiliza água através de barracas e mesas, assegurando o acesso mesmo aos domingos e feriados.

Essa iniciativa atende a uma solicitação do Núcleo da Cidadania e Direitos Humanos (NUCIDH) da Defensoria Pública do Estado do Paraná (DPE-PR). No final do ano passado, o NUCIDH obteve judicialmente, na Vara da Fazenda Pública de Curitiba, uma determinação para que o município garanta acesso gratuito dessa população vulnerável a banheiros nos espaços públicos, além da distribuição de água em galões e copos quando os bebedouros públicos, instalados em 2022, estiverem desativados ou em manutenção.

A decisão judicial busca garantir serviços básicos à população em situação de rua, mantendo um mínimo de dignidade para esse público. Além disso, a determinação inclui a oferta de refeições gratuitas, sendo proporcionadas pelo Mesa Solidária Luz dos Pinhais, na Praça Tiradentes, e pelo Mesa Solidária Patrícia Casillo, embaixo do Viaduto Capanema, conforme informações da FAS.

O calor excessivo registrado em Curitiba nesta semana causou situações preocupantes em uma loja de departamentos na Rua XV de Novembro, no Centro da cidade. Na última terça-feira (16 de janeiro), clientes e funcionárias da Bazar do Sul passaram mal devido às altas temperaturas dentro da loja. Uma trabalhadora chegou a desmaiar, enquanto outras entraram em crise de pânico. A situação foi registrada por um repórter fotográfico, e a Polícia Militar prestou auxílio no socorro às pessoas afetadas. O incidente destaca a falta de condições adequadas em ambientes sem ar-condicionado, onde funcionários trabalham de pé, sem lugares para sentar, em meio ao calor intenso.

Foto: Mario Akira

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli