WhatsApp
Facebook
Casa da Cultura de Adrianópolis recebe prêmio do Sesi pelos programas sociais

A Supremo Secil Cimentos recebeu o selo SESI ODS 2023, entregue pelo Serviço Social da Indústria (Sesi) a empresas e instituições comprometidas com a inovação para a sustentabilidade ambiental, social e de governança corporativa, pelos programas desenvolvidos na Casa da Cultura Pedro Queiroz Pereira, em Adrianópolis.

A empresa ficou entre os finalistas no Prêmio Sesi em reconhecimento a cursos, palestras, oficinas, atividades esportivas e outras iniciativas sociais abertas aos moradores de Adrianópolis, Ribeira e municípios da região, mantidas na Casa da Cultura.

“Além de ser um lugar que incentiva e facilita as atividades de voluntariado de forma acessível e gratuita, o espaço se tornou um local de socialização e convivência aos participantes das nossas oficinas, atuando não só em recreação, cultura, esporte e educação, mas também no fortalecimento dos vínculos sociais necessários para o exercício de uma cidadania plena”, afirma Douglas Augusto de Souza, gerente de Segurança, Meio Ambiente e Responsabilidade Social da Supremo.

Em funcionamento desde setembro de 2021, a Casa da Cultura se tornou referência nos municípios da região, com iniciativas como oficinas de artesanato, capoeira, aulas de violão e ginástica funcional para idosos. São feitos, em média, 600 atendimentos por mês, de forma gratuita.

Aluno Supremo é um dos destaques

Um dos destaques é o programa Aluno Supremo, que prepara estudantes do ensino médio para o mercado de trabalho, e iniciou em outubro sua segunda turma, com 56 jovens. Os alunos recebem orientações como desenvolvimento e reconhecimento de competências, planejamento de carreira, imagem profissional, preparação de currículo e processo seletivo.

Uma vez por semana, às quartas-feiras, é a noite de ginástica funcional. O sábado à tarde é dedicado à capoeira. Um ônibus da secretaria municipal de Assistência Social de Adrianópolis vai buscar quem mora nos bairros mais distantes.

A Casa da Cultura também coordena atividades externas, como o programa Portas Abertas, que recebe estudantes e familiares de colaboradores para conhecer a fábrica da Supremo Secil Cimentos. Em datas como Dia das Crianças, Páscoa e Natal, são organizadas ações de doação de brinquedos e palestras em comunidades e escolas.

“São ações gratuitas com a participação da comunidade por meio de voluntários”, explica Miriele Gracini Oliveira, analista de Responsabilidade Social da Supremo, coordenadora das atividades da Casa da Cultura. “Trabalhamos para as pessoas e com as pessoas.”

Serviço

O quê: Casa da Cultura Pedro Queiroz Pereira

Onde: Rua Januário Plaster Trannin, 40

Quando: segunda a sexta, das 7h às 17h, além de atividades programadas à noite e nos fins de semana

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli