WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Estudo expõe aplicação de inteligência artificial na detecção de fake news

Pesquisadores da Universidade Federal Fluminense (UFF) desenvolveram um método baseado em inteligência artificial (IA) para detectar notícias falsas nas redes sociais. O estudo foi conduzido por Nicollas Rodrigues, engenheiro de telecomunicações, como parte de sua dissertação de mestrado na UFF, sob orientação do professor Diogo Mattos do Laboratório de Ensino e Pesquisa em Redes de Nova Geração.

A ferramenta de IA desenvolvida pela equipe é capaz de analisar palavras e estruturas textuais para diferenciar fatos de fake news, alcançando uma precisão de 94%. Mais de 30 mil mensagens da rede social X (antigo Twitter) foram analisadas durante o estudo.

Rodrigues explicou que foram testadas três metodologias, sendo que duas apresentaram maior sucesso. A primeira metodologia treinou um algoritmo com notícias verdadeiras, identificando aquelas que não se encaixavam como fake news. A segunda utilizou uma abordagem estatística para analisar a frequência de palavras e combinações específicas em fake news.

Os resultados do estudo podem ser aplicados no desenvolvimento de ferramentas para ajudar os usuários da internet a identificar potenciais fake news, oferecendo maior cautela ao consumir informações online. Rodrigues mencionou a possibilidade de transformar a ferramenta em um plugin compatível com redes sociais, que alertaria sobre possíveis notícias falsas com base em parâmetros como erros gramaticais.

Essa pesquisa representa um avanço significativo na luta contra a desinformação nas plataformas digitais, promovendo uma análise mais crítica e informada por parte dos usuários.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli