WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Governo e Fundação Pró-Renal asseguram 300 exames renais à população negra

No próximo dia 20, o Governo do Paraná, por meio da Secretaria da Mulher, Igualdade Racial e Pessoa Idosa (Semipi), em parceria com a Fundação Pró-Renal, realizará um evento dedicado ao combate aos problemas renais. Voltado às comunidades de matrizes africanas, conselhos e demais órgãos representativos, o evento ocorrerá das 10h30 às 12h30 na sede da Fundação, em Curitiba.

O Dia D oferecerá exames de creatinina e microalbuminúria, disponíveis no local sem a necessidade de jejum prévio. Os resultados serão liberados em até cinco dias e os interessados, maiores de 18 anos, podem agendar seu atendimento pelo telefone (41) 3312-5455. A capacidade de atendimento será de 15 pacientes por dia, totalizando 300 exames.

Pacientes identificados com alterações nos exames serão convidados a participar de um estudo denominado Amplitude, voltado à prevalência de alelos da Apolipoproteína L1 (APOL-1), especialmente em pacientes negros e seus descendentes diretos. O estudo é crucial devido à maior prevalência de hipertensão arterial e doença renal crônica (DRC) nesse grupo.

O médico nefrologista e fundador da Pró-Renal, Miguel Carlos Riella, destacou a importância do estudo genético para pacientes afrodescendentes, ressaltando a relação entre as variantes do gene APOL-1 e a evolução da doença renal. A secretária de Estado da Mulher, Igualdade Racial e Pessoa Idosa, Leandre Dal Ponte, enfatizou a importância da participação da comunidade para o sucesso da iniciativa, reforçando o compromisso do Paraná com a promoção da saúde em todo o estado.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Alteração do nome