WhatsApp
Facebook

O projeto de lei que torna obrigatória a divulgação da posição dos pacientes na lista de espera por consultas, exames e cirurgias no SUS de Curitiba foi aprovado por unanimidade em segundo turno em sessão ordinária na Câmara Municipal da cidade nesta quarta-feira (21). Com a aprovação, o projeto aguarda sanção do prefeito Rafael Greca e, se aprovado, entrará em vigor na capital paranaense em três meses.

De acordo com o projeto aprovado, os pacientes que aguardam atendimento na rede pública de saúde poderão verificar sua posição na lista de espera por meio dos canais digitais da Prefeitura, como o Saúde Já.

A proposta também assegura a privacidade dos dados dos pacientes e fornecerá informações como a data de solicitação do serviço e o tempo médio previsto para atendimento.

O autor da proposta, o vereador Marcos Vieira (PDT), destacou que fornecer essa informação aos pacientes permitirá que eles tomem decisões conscientes sobre sua saúde, podendo buscar alternativas caso o tempo de espera pelo atendimento seja longo. A vereadora Indiara Barbosa (Novo) é coautora da medida.

A atualização da lista de espera será realizada semanalmente nos canais digitais do Município, com exceção dos procedimentos emergenciais, segundo o vereador.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli