WhatsApp
Facebook
Procon-SJP notifica Copel e empresas de telecomunicações por abandono de cabos em vias públicas

Em 2023, o Procon de São José dos Pinhais recebeu 10.978 reclamações da população local insatisfeita com produtos ou serviços. Do total de protocolos, 4.798 foram feitos por meio do consumidor.gov e seis mil pelo proconsumidor.

A instituição informou que, somente neste ano, R$ 1 milhão foi devolvido aos consumidores.

As principais queixas registradas no consumidor.gov foram direcionadas a instituições financeiras, totalizando 1.334 reclamações, seguidas pelo setor de operadoras de telecomunicações, com 1.240 reclamações. Outros segmentos com requerimentos incluem viagens, turismo e hospedagem (363); comércio eletrônico (305); e transporte aéreo (197).

De acordo com Jaiderson Rivarola, superintendente do Procon-SJP, 78,30% das insatisfações registradas no consumidor.gov foram resolvidas, enquanto no proconsumidor, 81% tiveram uma solução.

As reclamações mais frequentes foram apresentadas por consumidores entre 31 e 40 anos, relacionadas a cobranças indevidas, serviços não solicitados, dificuldade de cancelamento e falhas na prestação de serviços.

O Procon-SJP, órgão de orientação e defesa dos cidadãos em relação a seus direitos como consumidores, realizou ao longo do ano uma campanha e uma ação conjunta com a Delegacia do Consumidor para conscientizar sobre os riscos de golpes.

“Além disso, conduzimos diversas fiscalizações, levando em consideração o porte da empresa e o caráter orientativo da dupla visita, com orientação prévia em infrações de baixo e médio risco. Nosso objetivo é orientar, e, por isso, aplicamos poucas multas em 2023”, destaca Rivarola.

Para registrar uma reclamação, o Procon-SJP sugere que os consumidores entrem em contato por e-mail (procon@sjp.pr.gov.br), agendamento via WhatsApp (41) 3283-6160 ou pelo site consumidor.gov.br.

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli