WhatsApp
Facebook

A Defesa Civil de Curitiba, com recursos destinados à Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito (SMDT), adquiriu novos equipamentos para fortalecer o Sistema de Alerta e Alarme de Prevenção de Desastres (Sisaa Prev) e a resiliência da cidade.

O investimento, no valor de R$ 195 mil, contempla uma nova estação meteorológica, duas hidrológicas e uma pluviométrica. Esses equipamentos se somam aos já existentes, totalizando onze estações meteorológicas e três hidrológicas, além de uma pluviométrica, que será instalada no bairro Caximba.

Essas estações, equipadas com sensores para medição de diversos parâmetros climáticos, ampliam a capacidade de monitoramento e prevenção de desastres climáticos na cidade. Os dados coletados também servirão como base para políticas públicas eficazes de combate a problemas relacionados ao clima em Curitiba.

A Defesa Civil ressalta a importância da cooperação técnica com o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), que permitirá o compartilhamento de informações entre as partes. Além disso, destaca-se a lei municipal que estabelece o Conselho de Integração de Proteção e Defesa Civil da Região Metropolitana de Curitiba (CPDCM), visando à integração de ações entre os municípios da RMC.

Outra iniciativa relevante são os Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdec), que preparam a população para agir de maneira eficaz em situações de risco. Atualmente, Curitiba conta com 42 núcleos ativos.

Para facilitar a comunicação em caso de emergência, a Defesa Civil utiliza o aplicativo Waze para realizar bloqueios virtuais em vias interditadas, garantindo assim uma melhor gestão do tráfego.

Em caso de emergência decorrente das chuvas, como quedas de árvores ou alagamentos, os cidadãos podem acionar a Central 156 da Prefeitura, o telefone da Defesa Civil (199), a Guarda Municipal (153) ou o Corpo de Bombeiros (193).

WhatsApp
Facebook

Publicações relacionadas

Compartilhe
WhatsApp
Facebook
Imagem de destaque - Angeli